3 boas razões para ir ao dentista a cada 6 meses, em qualquer idade

As consultas regulares ao cirurgião-dentista ajudam a evitar ou reduzir problemas bucais. O profissional poderá avaliar as condições da saúde bucal e realizar os cuidados de prevenção necessários.É a chamada profilaxia, aquela limpeza dental profunda, em que, além de remover o tártaro e a placa bacteriana, é feita a escovação completa e aplicado o flúor, para proteção dos dentes. Problemas como suspeitas de lesão de cárie ou próteses mal adaptadas, por exemplo, podem ser detectados e posteriormente tratados.

Listamos aqui 3 bons motivos para visitar o dentista a cada 6 meses, seja criança, jovem, adulto ou idoso:

1. Cuidar da saúde bucal na infância previne problemas futuros.

A atenção dos pais é muito importante para a saúde bucal da criança. Os cuidados devem ser iniciados antes mesmo que apareçam os primeiros dentes do bebê, com higienização da boca com gaze umedecida. Após a erupção do primeiro dente de leite, a higiene deve ser feita por meio da escovação. A visita regular ao dentista evita a perda precoce de dentes por problemas de cárie e na gengiva. Problemas de mordida, dentes mal posicionados, dores articulares e bruxismo também podem ser identificados e corrigidos, evitando agravantes no futuro.

Leia também: Como escolher corretamente a escova de dentes para as crianças pequenas

2. A saúde bucal tem impacto na saúde geral.

Após os 35 anos, as pessoas são mais suscetíveis a perder dentes por doença periodontal do que por cárie. As mulheres, em especial, devido às mudanças hormonais, podem perceber a gengiva avermelhada, inflamada e com sangramento durante os ciclos menstruais, gravidez ou menopausa. Estudos mostram a relação entre a doença da gengiva com doença cardíaca, diabetes, derrame e câncer de cabeça e pescoço. A visita regular ao dentista permite a avaliação da saúde periodontal, eventual suspeita de câncer oral ou deficiência de vitaminas, além da avaliação da mordida, da saliva e do movimento das articulações do maxilar inferior. É sempre melhor prevenir do que remediar.

3. Estamos vivendo por cada vez mais tempo.

A maior conscientização da importância da higiene bucal e os avanços das técnicas da Odontologia permitem que as pessoas cheguem em idades avançadas preservando seus dentes naturais na boca, evitando cada vez mais o uso de próteses totais (dentaduras) em idosos.Contudo, com o passar do tempo, é normal haver retração gengival, expondo áreas dos dentes que não estão protegidas pelo esmalte e agravando a sensibilidade. Também é comum o maior ressecamento da boca. A visita regular ao dentista ajuda a manter a saúde bucal na mais longínqua idade, contribuindo inclusive para evitar o declínio físico e cognitivo nos idosos.

E você? Quando foi a última vez que você passou em consulta com um cirurgião-dentista? Se você não lembra, procure agora a Odontovero e cuide da sua saúde bucal. É uma rotina que deve ser seguida hoje e sempre.

Clique aqui e conheça mais sobre nossa atuação.

A confiança faz sorrir.